Aprenda a satisfazer os seus clientes

Embora a essa altura do campeonato você já saiba a importância de conquistar novos clientes, um fator tão importante quanto esse é manter a satisfação de cada um deles. Pois clientes satisfeitos tendem a realizar novos negócios com você, e podem te recomendar a outros clientes. A satisfação dos clientes impacta diretamente nos resultados da sua empresa.

Mas quando estamos nos referindo a este tema, tratamos de todo o processo que vem desde o planejamento inicial ao resultado final. Trata-se de entender as necessidades do cliente e estruturar a empresa para entregar exatamente aquilo que ele espera e, com isso, proporcionar uma experiência inesquecível para o cliente.

É somente a sucessão de boas experiências vividas pelo seu cliente que o transformará num verdadeiro vendedor do seu produto ou serviço, além de elevar a fidelidade com o seu negócio.

Eis alguns fatores críticos que influenciam diretamente a experiência, em termos de satisfação do cliente:

  • A qualidade da solução oferecida ao cliente (produto ou serviço);
  • A qualidade do atendimento que a sua empresa ofereceu;
  • A velocidade na solução dos problemas, quando eles surgirem.

Dicas efetivas para ter clientes satisfeitos:

  • Atente ao feedback, reações, comentários e comportamento dos clientes. Eles são a principal fonte para orientar as mudanças necessárias na sua empresa.
  • Faça uma análise dos processos da sua empresa periodicamente. Tente identificar as falhas que podem dificultar o oferecimento de uma experiência ótima aos clientes.
  • Jamais considere a venda como a finalização do relacionamento com o cliente. Procure sempre, de uma forma ou de outra, manter o contato com ele.
  • O cliente precisa sentir que você se importa de verdade com ele e busca resolver as suas dificuldades.
  • Seja rápido para lidar com as reclamações dos clientes. As críticas nunca serão problemas, e sim, oportunidades de crescimento.
  • Comunique-se bastante com os seus clientes e mantenha-os informados sobre o andamento das demandas.

OK, mas essas dicas não são novas. Também é quase impossível não concordar com elas. Então, por que é tão difícil pô-las em prática. Existem dois ingredientes fundamentais para isso? O primeiro é a intenção. Ter intenção é realmente levar em conta a opinião do seu cliente. Ele é que deve orientar como sua empresa deve se organizar para atendê-lo. O segundo é a estruturação do negócio. De que adianta você saber o que o cliente espera velocidade, por exemplo, e não está com os seus processos estruturados para proporcionar o nível adequado de velocidade sempre? Somente com processos otimizados sua empresa será capaz de propor e entregar sempre o mesmo padrão de qualidade aos seus clientes.

Seus clientes são o seu maior ativo. Lembre-se sempre disso ao tomar qualquer decisão no seu negócio.

cliente gestão

Carlos Eduardo Bandeira Araújo

Sócio e Consultor da Parceria Consultores

Especializado em BPM (Gerenciamento de Processos de Negócios) e Gestão Estratégica com mais de 20 anos de experiência.